Bem-Vindo, Visitante
Nome de usuário: Senha: Lembrar-me
  • Página:
  • 1

TÓPICO: Bem-estar animal e Vegetarianismo

Bem-estar animal e Vegetarianismo 13 anos 6 meses atrás #625

Prezado Sergio,

Peguei seu contato com o assessor de imprensa da SVB e gostaria de
consultá-lo
sobre a possibilidade de me dar uma entrevista.
Estou produzindo uma matéria sobre a relação do vegetarianismo com os
estudos
de bem-estar animal para a revista dos Vegetarianos (uma publicação
recém-lançada
da editora Europa) e gostaria de conhecer sua opinião sobre o assunto.
Abaixo seguem as perguntas básicas que me ajudarão na apuração da matéria.
Se você concordar, por favor me passe seu contato telefônico e marcamos um
dia e horário para conversarmos.

Agradecendo desde já sua atenção.

Abs,

Jaqueline B. Ramos
jornalista - meio ambiente



Oi Jaqueline:

Será um prazer ajudar com a matéria. Eu já conheci a revista.

Meu telefone para contato é ...

Seguem agora as respostas às suas perguntas:

- Na sua opinião, qual é a relação do vegetarianismo com o bem-estar animal?

"A maior parte das pessoas que adota o vegetarianismo em países ocidentais o
faz por motivos éticos. Mesmo pessoas que ainda não adotaram o
vegetarianismo, dizem que se o fizessem o fariam porque se preocupam com a
forma como os animais de produção são tratados. Desta forma, a relação entre
bem-estar animal e vegetarianismo é óbvia.

No entanto, devemos fazer uma consideração: A maioria das pessoas concorda
que os animais de produção devem receber as melhores condições de vida e
bem-estar, o que na maioria das vezes também se reflete em uma melhoria na
produção, mas em momento algum o bem-estar animal questiona se temos ou não
o direito de explorar animais, pelo contrário, esta exploração é sempre
incentivada.

Desta maneira, ao mesmo tempo em que o vegetarianismo como um todo tem
grande relação com o bem-estar animal, o veganismo não o tem, pois os
veganos opõem-se simplesmente à exploração animal."


- Se a maior parte da humanidade adotasse uma dieta vegetariana, os métodos
de produção apresentariam menos problemas de bem-estar dos animais?

"Esta seria uma resposta especulativa, não podemos prever o futuro.
Precisamos acima de tudo saber se esta maior parte da humanidade, agora
vegetariana, estaria adotando o vegetarianismo pelos mesmos motivos que o
vegetarianismo vem sendo adotado até hoje. Ou seja, estas pessoas seriam
vegetarianos éticos? Elas teriam preocupações com a saúde?

Mesmo no momento atual, não vemos grandes movimentos de ovo-lacto
vegetarianos pedindo por leite de vaquinhas felizes ou ovos não galados de
galinhas contentes. Raramente ouvi que uma pessoa somente consome ovos e
leite nestas condições e boicota produtos oriundos de outras formas de
exploração. Não podemos prever se um aumento no número destes vegetarianos
provocaria tal movimento ou forçaria o mercado nesta direção."

- Que outras atitudes, além da adoção de uma dieta sem carne ou sem qualquer
produto de origem animal (no caso dos veganos) podem contribuir para
práticas
de bem-estar animal?

"Para responder a esta pergunta precisamos entender que o movimento de
bem-estar animal não reconhece os direitos dos animais. De acordo com as
práticas de bem-estar animal os animais podem ser utilizados para
praticamente todos os fins. Podemos matá-los, podemos utilizar partes de seu
corpo, podemos submetê-los a trabalhos forçados, à experimentação etc. A
única ressalva que o bem-estar animal impõe é que os animais não devem ser
submetidos ao 'sofrimento desnecessário', o que não é um termo fácil de
definir.

O veganismo, por outro lado, não reconhece que tenhamos o direito de dispôr
destes animais. De acordo com o veganismo, os animais são seres senscientes
e que possuem interesses e direitos inalienáveis. Eles não podem ser
utilizados para a alimentação, para o vestuário, para testar produtos e nem
para a diversão.

Com estas considerações em mente entendemos que o movimento de bem-estar
animal não tem relação com o veganismo, pois os veganos simplesmente não
utilizam animais.

Mas de uma maneira geral, o movimento de bem-estar animal atua em todos os
setores onde animais são explorados, à saber:

- Alimentação: Abate humanitário, leite de "vaquinhas felizes", ovos de
"galinhas felizes", etc.
- Trabalho: Estabelece limite de horas de trabalho diárias, que receba
alimentação adequada, dia de descanso etc
- Pets: Castração de cães e gatos, controle de comércio de silvestres e
exóticos etc.
- Experimentação animal: Aplicação da política dos 3R´s

Exceto pelo mérito de algumas destas medidas, que de fato protegem os
animais, a maioria delas cumpre a função inversa, indo contra o direito dos
animais."


Jaqueline, espero ter te ajudado. Não sei se eu seria a pessoa mais adequada
para lhe conceder esta entrevista, embora conheça bem as práticas de
bem-estar animal, mas minha visão sobre este movimento nem sempre é
positiva, o que eu poderia te explicar melhor mas por si só demandaria uma
matéria à parte.

Estou à disposição para sanar qualquer duvida.

abraços

Sérgio Greif

Por favor Acessar ou Registrar para participar da conversa.

  • Página:
  • 1
Tempo para a criação da página:1.136 segundos
Somos Embaixadores da Happy Cow para Florianópolis SC


Embaixador
HappyCow.com

Somos filiados a:

   

Seja a mudança que você quer ver no mundo.

Mahatma Gandhi